As vendas para o Dia dos Namorados deste ano no comércio catarinense registraram um aumento de 2,8% em relação ao mesmo período do ano passado. O cálculo da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC) foi realizado com base nos dados de crediário do SPC/SC. 


O número confirma o levantamento prévio que indicava o otimismo pela maior parte, 61,5%, dos empresários entrevistados. Depois do Natal e do Dia das Mães, o Dia dos Namorados é a comemoração que mais movimenta o varejo. Entre os itens mais procurados para a tradicional data, estiveram na preferência as roupas, calçados, perfumes e flores.


“Os desafios ainda são enormes, as dificuldades ainda estão presentes, mas o crescimento das vendas do varejo traz uma perspectiva mais favorável de equilíbrio”, avalia o presidente da FCDL/SC, Ivan Roberto Tauffer. Ele considera que a programação de vacinação contra a Covid 19 em Santa Catarina e a previsão de cobertura completa de imunização projetada para ser concluída em outubro próximo, abrangendo toda a população catarinense, também trazem um alento ao setor.


Tauffer ressalta que, mesmo sob o impacto da pandemia, as principais datas comemorativas têm registrado alta nas vendas. Além do Dia dos Namorados, o Dia das Mães registrou crescimento de 4,8% e a Páscoa de 2,45%, ambos na comparação com o mesmo período do ano anterior.