Bondinho, “bondindinho” ou bonde. São várias as definições para um meio de transporte de lazer que toma as ruas de Lages sempre que desperta a época de Natal. As expressões de crianças e suas famílias são únicas e intimamente ligadas ao jeito particular de curtir as festividades natalinas. Tão tradicional quanto o Natal, o Bondinho da Alegria, que também é chamado de Bondinho do Papai e Mamãe Noel, iniciará as incursões pelas ruas centrais e no bairro Coral a partir deste 1º de dezembro (sábado).

O veículo pertence a uma família, basicamente um casal que atua como Papai e Mamãe Noel, e tem como trabalho organizar as saídas do Bondinho pela cidade, animar crianças e distribuir balas. Acenar para as pessoas nas ruas também faz parte do serviço do casal natalino.

Porém, para o casal que administra o Bondinho da Alegria, não se trata apenas de uma atividade comercial, na verdade, o grande objetivo da arrecadação é a filantropia. O ingresso custa R$ 5 por pessoa, e a maior parte dos lucros é usada para a compra de cestas básicas que são distribuídas para famílias carentes. “Tudo é feito com esse espírito de auxiliar o próximo. O Bondinho é um negócio, mas dele buscamos uma maneira de alguma forma deixar o Natal das pessoas mais feliz”, diz um dos proprietários.

O ponto de partida do Bondinho é na Rua Nereu Ramos, ao lado do Calçadão da Praça João Costa. Aos sábados e domingos a partir das 17h e nos dias de semana a partir das 18h.

 

Fotos: Arquivo  - Texto: Ascom/PML