Se o PP de Lages tivesse pegado mais forte, acreditado e apoiado o candidato a deputado  e vereador  Lucas Neves, talvez a Serra Catarinense pudesse ter conseguido mais uma vaga na Alesc. 

O jornalista e vereador Lucas Neves, que nas eleições para a Câmara Municipal em 2016 obteve a maior votação da história, com mais de 6.200 votos, conseguiu 26.794 votos para a Alesc, dos quais 18.310 em Lages. Fez mais votos do que quatro deputados que entraram entre os 40 eleitos. Mas não conseguiu se eleger  porque faltou legenda à sua coligação (PP/PSD). Um dos motivos que dificultou é que o PSL, do Comandante Moisés (PSL), elegeu seis deputados estaduais, tirando vagas que antes pertenciam aos partidos tradicionais.

Lucas Neves foi o 5º mais votado do PP de SC. Ficou logo abaixo de Sílvio Drevek (atual presidente da Alesc, que fez  29.631 votos e não se elegeu). Para entrar entre os 40 da Alesc, bastava a Lucas Neves ter feito 3.704 votos a mais (se o  PP de Lages e a Prefeitura tivessem ajudado um pouco mais, teríamos mais um deputado eleito). Ele deve ter ficado na 3ª ou 4ª suplência. O último do PP que entrou na Alesc como eleito foi Altair Silva, que fez 30.497 votos (3.703 votos a  mais do que Lucas Neves). 

Já o deputado Gabriel Ribeiro (PSD), mesmo tendo todo o apoio da Prefeitura de Lages (o que faltou para Lucas Neves), o empenho pessoal do ex-governador e candidato ao Senado Raimundo Colombo e uma super estrutura de campanha, obteve uma boa votação. Mas não foi o suficiente para que conseguisse a reeleição. Ele obteve  24.116 votos no total (nas eleições de 2014 ele obteve mais de 37 mil votos, 13 mil a mais do que agora). Da votação destas eleições, só conseguiu 10.285 votos em Lages (talvez o motivo porque não tenha sido eleito). 

Votação dos Lageanos à ALESC:

1) Marcius Machado - PR - 30.278 votos - Eleito à Alesc (Marcius fez 23.474 votos em Lages). 

2) Lucas Neves - PP - 26.794 votos (18.310 votos em Lages) 

3) Gabriel Ribeiro - PSD - 24.116 votos (10.285 votos em Lages) 

4) Thiago Oliveira - MDB - 7.926 votos (4.194 em Lages)

5) Bruno Hartmann - PSDB - 5.841 votos (2.657 em Lages) 

6) Amarildo Farias - PT - 2.865 votos 

7) Prof. Marcos de Souza - Rede - 1.748 votos

8) Prof. Antônio Chaves - Patriota - 315 votos 

Votação dos lageanos e serranos à Câmara Federal:

1) Carmen Zanotto (PPS) - 84.692  votos - Reeleita - 

2) Airton Amaral - PSL - 16.631 votos  (estreante na política, fez uma grande votação na onda Bolsonaro)

3) Fabian Nerbass - Novo - 5.699 votos 

4) Neusete Masiero - DEM (de Correia Pinto) - 4.197 votos 

5) Cel. Mendes - Patriota - 1.643 votos 

5) Daniel Ferreira - PT - 1.182 votos 

Fonte: TRE/SC