Desde dezembro de 2017 tramitando na Câmara Municipal de Vereadores, o Projeto de Lei (PL) do Plano Diretor do Munícipio de Lages foi aprovado, por unanimidade, na sessão de segunda-feira, (6 de julho). Agora, o PL deverá ser sancionado pelo prefeito Antonio Ceron, passando a vigorar pelos próximos 10 anos.

Elaborado por equipe técnica da Prefeitura de Lages, levando-se em conta a legislação pertinente e o que foi apontado pela população em audiências públicas, o novo Plano Diretor do Município, constitui-se em importante instrumento para ordenar o crescimento da cidade para a próxima década.

O secretário municipal de Planejamento e Obras Claiton Bortoluzzi disse que, basicamente, foram feitas adequações técnicas necessárias para fazer frente ao novo ritmo de crescimento da cidade, assim como o zoneamento urbano. “A Lei do Plano Diretor está focada, por exemplo, à descentralização do crescimento e desenvolvimento urbano, tendo sido priorizadas importantes vias, dentre elas a Presidente Vargas, Bruno Lursen, 31 de Março, Jornalista Caldas Júnior, Aujor Luz e Nossa Senhora da Penha, assim como o zoneamento urbano de áreas distritais (Salto Caveiras e Índios)”, destaca Claiton

Desta forma, estão definidas as normas legais para as novas construções, alavancando o desenvolvimento socioeconômico nestas áreas ruas e avenidas, nos bairros.

 

Foto: Toninho Vieira - Texto: Ascom/PML