Na amanhã desta terça-feira, a deputada federal Carmen Zanotto (PPS-SC) participou de uma reunião com os representantes do lotéricos de Lages.  Na pauta a urgência na votação do projeto (PL 7306/2017) que prevê o reajuste das tarifas de permissão das loterias da Caixa Econômica Federal (CEF).  Para a parlamentar, a solução definitiva dos problemas financeiros enfrentados pela rede lotérica passa pela aprovação da proposta, que conta com o apoio de parlamentares de todos os partidos.

 

Lotérico há 35 anos, Jorge Barbosa afirma que mais de 500 lotéricas fecharam em todo o Brasil e se o projeto demorar pra ser aprovado, outras irão fechar, principalmente as localizadas no interior. “A situação está muito ruim eu e mais um colega já fechamos as nossa filiais aqui em Lages, nosso pedido é para que haja um aumento no pagamento de boletos, pois recebemos apenas R$ 0,60 por cada pagamento”, ressalta.

 

O projeto contempla uma correção imediata de todas as tarifas, bem como um modelo que permitirá uma atualização de valores sempre que os movimentados pela rede lotérica sofram um incremento. As tarifas repassadas pela Caixa aos lotéricos não são revistas há mais de 10 anos.

 

Os representantes da rede lotérica também reivindicam que o transporte de bens e valores passe à responsabilidade da Caixa. Pois o custo com o transporte é muito alto.

 

“A Caixa precisa reconhecer a importância das loterias para a população, vamos trabalhar para este projeto seja votado com urgência na Câmara. As loterias são o banco do povo e prestam um serviço inestimável às comunidades. É na lotérica que trabalhador recebe a bolsa-família e paga as suas contas. Não podemos permitir que as lotéricas sejam fechadas e a população fiquei prejudicada”, concluiu a parlamentar. 

 

Fotos: Zé Rabelo - Texto: Assess. de Imprensa da deputada Carmen Zanotto