Consumidores de Lages terão oportunidade de adquirir carne com padrão de qualidade, produzida em cima dos pilares da sustentabilidade, ou seja, ambientalmente correta; socialmente justa e economicamente viável. O produto estará sendo comercializado, nesta fase inicial, a partir do próximo dia 30 de março exclusivamente no supermercado Mezzalira, na Rua 7 de Setembro, próximo à Secretaria Municipal da Saúde. É o início do projeto de Produção Integrada dos Campos das Tropas, que agrega produtores de toda a Região da Amures.

Conforme explica a coordenadora do projeto, Médica Veterinária Caroline Ribeiro, hoje não há onde comprar este tipo de carne om a qualidade serrana e a marca da garantia. O diferencial ocorre também na ação dos produtores, que controlam a criação, a recria, a terminação e o abate, deixando a comercialização para um parceiro do ramo. Para que o produto não falte, será seguido um cronograma para não pecar no fornecimento. Sendo assim, serão abatidos inicialmente apenas cinco animais por semana, totalizando cerca de mil quilos de carne limpa, com a comercialização feita somente nas sextas-feiras e sábados.

Os produtores sabem que o número de abate é pequeno. Mas, seguem a mesma tendência de grandes cooperativas de hoje, existentes no Paraná e Rio Grande do Sul, que começaram exatamente com o mesmo volume de abate. “A resposta do consumidor é que vai ditar o crescimento da produção. Começaremos com pouco, mas com a garantia de oferta”, justifica Caroline. Ela salienta ainda que a carne será totalmente livre de agrotóxicos, de antibióticos e respeitando o prazo de carência de produtos usados nos animais, como é o caso do vermífugo, ou seja, a carne estará livre de qualquer tipo de resíduo medicamentoso. “A forma de produção e a qualidade da carne justifica também o preço diferenciado”, complementa a coordenadora do projeto.

Paulo Chagas Vargas - Assess. de Comunicação do Sindicato Rural de Lages